sábado, 24 de outubro de 2009

Tudo é Amor



Tudo é Amor

Vida - É o Amor existencial.
Razão - É o Amor que pondera.
Estudo - É o Amor que analisa.
Ciência - É o Amor que investiga.
Filosofia - É o Amor que pensa.
Religião - É o Amor que busca Deus.
Verdade - É o Amor que se eterniza.
Ideal - É o Amor que se eleva.
Fé - É o Amor que se transcende.
Esperança - É o Amor que sonha.
Caridade - É o Amor que auxilia.
Fraternidade - É o Amor que se expande.
Sacrifício - É o Amor que se esforça.
Renúncia - É o Amor que se depura.
Simpatia - É o Amor que sorri.
Altruísmo - É o Amor que se engrandece.
Trabalho - É o Amor que constrói.
Indiferença - É o Amor que se esconde.
Desespero - É o Amor que se desgoverna.
Paixão - É o Amor que se desequilibra.
Ciúme - É o Amor que se desvaira.
Egoísmo - É o Amor que se animaliza.
Orgulho - É o Amor que enlouquece.
Sensualismo - É o Amor que se envenena.
Vaidade - É o Amor que se embriaga.
Finalmente, o ódio,
que julgas ser a antítese do Amor,
não é senão o próprio Amor
que adoeceu gravemente.



(Francisco Cândido Xavier)

2 comentários:

Bia Maia disse...

Bia querida, minha chará!
Passo a seguir seu blog, que é demais de bom!!!

E nunca li tantas definições tão perfeitas sobre o amor!

Meus parabéns!

Um beijo e lindo final de semana!

Bia Maia

http://olhardentrodosolhos.blogspot.com

juü s.e.p disse...

existem milhões e milhões de definições de amor *-*
mas desse jeito primeira vez q vejo, lindo.
dear, seguindo aqe. bjs